Principais notícias do dia [31/7]

Data de Publicação: 31/07/2020

BOLETIM FINANCEIRO PARA INVESTIDORES

Apple e outros gigantes da tecnologia superam as já positivas expectativas de alta demanda por bens e serviços do setor durante o isolamento. Nasdaq futuro chegou a subir mais de 1%, enquanto o S&P futuro tem ganho mais modesto, com otimismo mitigado por incertezas sobre ressurgimento de casos de coronavírus e pacote de estímulos nos EUA. Minério de ferro sobe após PMI manufaturas melhor que o esperado na China e mercados monitoram nova bateria de dados nos EUA, incluindo PCE e renda pessoal.

No Brasil, Petrobras tem prejuízo e vendas frustrantes, mas Ebitda supera todas as previsões. Agenda doméstica traz déficit primário consolidado, que deve renovar recorde, após rombo do governo central pior que o estimado ontem não evitar queda forte dos juros longos e nem reduzir apostas em corte da Selic. Na política, presidente de comissão fala em retomar debate da reforma tributária, enquanto líder do centrão defende debate de novo imposto, rejeitado por Maia, mas não vê prioridade na autonomia do BC.

Ainda na cena corporativa, Azul admite possível fusão com Latam e Justiça rejeita afastar trabalhadores da JBS.

Dólar abrindo com variação de +0,59%.

Camex cumpre menos da metade das medidas da agenda regulatória 2018/2019

O governo federal deixou de implementar 58% das ações previstas para o comércio exterior na agenda regulatória 2018/2019 da Camex (Câmara de Comércio Exterior), do Ministério da Economia. Eis a íntegra do relatório (61 KB).

https://www.poder360.com.br/economia/camex-cumpre-menos-da-metade-das-medidas-previstas-para-agenda-2018-2019/

Calçadistas mobilizados pela renovação e ampliação do antidumping

O setor calçadista brasileiro, por meio da Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados) e sindicatos industriais da atividade, está mobilizado pela renovação do direito antidumping aplicado contra o calçado importado da China, e abertura de novo processo contra as origens Vietnã e Indonésia. Atualmente, para cada calçado importado da China, como medida de defesa comercial e garantia da competição leal no mercado interno, é aplicada uma sobretaxa de US$ 10,22, além da tarifa de importação.

O presidente-executivo da Abicalçados, Haroldo Ferreira, destaca que a medida é fundamental para garantir a competitividade das produtoras nacionais, já abaladas pela crise provocada pela pandemia do novo coronavírus. "Como se sabe, o calçado asiático entra no Brasil a custos irrisórios, devido a subsídios governamentais e manipulação cambial. Se esses produtos entrarem livremente no Brasil, com o alto custo de produção que temos, veremos uma quebradeira generalizada no setor, pois não teremos como competir", avalia o executivo.

https://www.abicalcados.com.br/noticia/calcadistas-mobilizados-pela-renovacao-e-ampliacao-do-antidumping

Agronegócio Notícias – China habilita mais três plantas brasileiras para exportação de pescado

A embaixada da China no Brasil anunciou a habilitação de mais três plantas brasileiras para exportação de pescados ao país asiático. Com isso, a lista de estabelecimentos brasileiros que poderão exportar pescados para China chegou a 110 empresas.

As negociações para a habilitação envolveram a Secretaria de Aquicultura e Pesca, a Secretaria de Defesa Agropecuária e a Secretaria de Comércio e Relações Internacionais do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

"Essa demanda, que há muito não evoluía, agora se tornou realidade, trazendo possibilidades de mais comércio, empregos e renda para milhares de trabalhadores da aquicultura e pesca nacional", comemorou o secretário de Aquicultura e Pesca, Jorge Seif.

https://agronegocionoticias.com.br/agronegocio-noticias-china-habilita-mais-tres-plantas-brasileiras-para-exportacao-de-pescado/

Exportação n° 047/2020

A Secretaria de Comércio Exterior (Secex) informa que foram realizadas as alterações abaixo nos tratamentos administrativos do Exército Brasileiro (DFPC), com base nas Portarias do Comandante do Exército n° 1.729/2019 e do Comandante Logístico n° 118/2019.

http://www.siscomex.gov.br/exportacao/exportacao-n-047-2020/

Alterações na Lei dos Portos são aprovadas no Congresso Nacional e garantem mais agilidade ao setor

O Congresso Nacional aprovou, nesta quinta-feira (30), a MP 945, que garante importantes alterações na Lei 12.815/2013, conhecida como Lei dos Portos, além de trazer medidas de proteção aos trabalhadores do setor portuário após a pandemia de Covid-19. A Medida Provisória foi editada em abril deste ano. Aprovada nas duas Casas (Câmara e Senado), aguarda, agora, sanção presidencial para que as regras passem a ser definitivas. A aprovação da lei acontece em um importante cenário em que os portos públicos brasileiros registraram, somente no primeiro semestre do ano, aumento de 6,6% na movimentação de cargas, em relação ao ano passado.

https://www.infraestrutura.gov.br/ultimas-noticias/10115-altera%C3%A7%C3%B5es-na-lei-dos-portos-s%C3%A3o-aprovadas-no-congresso-nacional-e-garantem-mais-agilidade-ao-setor.html

ANTAQ pretende realizar treze licitações portuárias até o final do ano

expectativa da ANTAQ é realizar mais treze licitações de áreas portuárias até o final do ano. Serão licitações nos portos de Paranaguá (PR), Santos (SP), Vila do Conde (PA), Itaqui (MA), Aratu (BA), Itaguaí (RJ), Porto Alegre e Maceió. A informação foi do superintendente de Regulação e presidente da Comissão Permanente de Licitação de Arrendamentos Portuários da ANTAQ, Bruno Pinheiro, durante reunião realizada na quarta-feira (29), com a Secretaria Executiva do Ministério da Infraestrutura, na sede da Agência, em Brasília.

http://portal.antaq.gov.br/index.php/2020/07/30/antaq-pretende-realizar-treze-licitacoes-portuarias-ate-o-final-do-ano/

Não importa o tamanho da sua empresa, ela pode contar com os serviços de inteligência do Serpro

Novo modelo de cobrança sem franquia facilita o acesso a tecnologias de identificação digital, gestão cadastral e análise de crédito.

partir do dia 1º de agosto de 2020, todos os serviços de inteligência do Serpro deixarão de cobrar franquia mínima de consumo. Isso significa que será mais simples e barato contratar ferramentas que oferecem checagem em massa a dados públicos de importantes bancos de dados do governo federal e, também, as tecnologias móveis de identificação a partir dos registros fotográficos e biométricos do Denatran.

https://www.serpro.gov.br/menu/noticias/noticias-2020/inteligencia-serpro-para-todas-empresas

NeoID já pode ser utilizado em 12 Juntas Comerciais do país

Com o certificado digital em nuvem do Serpro é possível abrir, alterar e dar baixa em empresas de vários estados de forma prática, ágil e segura

NeoID, certificado digital em nuvem do Serpro, já pode ser utilizado nas Juntas Comerciais de 12 estados do país. O processo de abertura, alteração e baixa de empresas nos estados de Alagoas, Amapá, Paraíba, Rio Grande do Norte, Paraná, Maranhão, Rondônia, Tocantins, Piauí, Sergipe, Goiás e Espírito Santo ficou mais prático, ágil e seguro para os usuários do NeoID.

https://www.serpro.gov.br/menu/noticias/noticias-2020/neoid-junta-comercial-abertura-empresa

Governo trabalha na modernização do Estado

Em um mundo cada vez mais digital, onde as pessoas buscam acessar serviços pelo celular e pelo computador, o Governo Federal trabalha na estratégia de modernização do Estado aliada à transformação digital. Nos próximos meses, deve ser lançada uma Política Nacional de Modernização do Estado.

“Com isso, vamos pensar um Brasil moderno que não seja só algo de pouco tempo, de um ciclo de governo, mas pensando perenemente. Como a gente pode pensar um Estado que sempre vai estar interessado na modernização, como ele pode ser mais eficiente, como ele pode trazer serviços de mais qualidade”, disse o secretário especial de Modernização do Estado da Secretaria-Geral da Presidência da República, José Ricardo Veiga.

https://www.gov.br/pt-br/noticias/financas-impostos-e-gestao-publica/2020/07/governo-trabalha-na-modernizacao-do-estado

Contato

Nosso time está a postos para responder sua dúvida

Rua Avanhandava, 126

6º andar

Bela Vista - 01306-901

São Paulo - SP

11 3255-2599

actc@sindicomis.com.br

600 Caracteres Restantes

Sua mensagem foi enviada, retornaremos em breve!

Ops. Algo deu errado, tente novamente.