PROCESSO SELETIVO: CUIDADOS PARA UMA BOA CONTRATAÇÃO!

Data de Publicação: 2018-10-30

Um dos pontos centrais do processo seletivo é a entrevista. Ela pode ser feita através de um processo complexo, com testes e dinâmicas, mas é durante a entrevista que você conseguirá, realmente, ter contato com o candidato de maneira clara e direta.

Para começar, trace o perfil da vaga. Para isso, tenha em mente:

os valores e a missão da empresa;

as atribuições do cargo;

as características pessoais necessárias para trabalhar com a equipe

os benefícios que serão oferecidos ao candidato selecionado.

O perfil técnico é bem simples e está relacionado à formação, experiência e conhecimentos práticos.

Alguns exemplos de perfis que você pode encontrar no mercado de trabalho são: líder e liderado; sonhador e executor; comunicativo e introvertido; focado e dinâmico; prático ou analítico. Tenha em mente que nem todos serão adequados à vaga que você precisa preencher.

Sem dúvida alguma, uma das maiores dificuldades ao processo de contratação é a falta de preocupação em definir um perfil adequado à vaga e quais seriam os requisitos adequados.

Encontrar a pessoa certa para uma vaga não é tarefa fácil: as empresas brasileiras estão entre as que mais têm dificuldade para selecionar profissionais adequados.

Segundo estudo lançado em maio, pela consultoria de recursos humanos Manpower, 64% dos 850 empregadores ouvidos no Brasil disseram que não conseguem encontrar pessoas para preencher as vagas disponíveis. Esse é o segundo maior índice entre os 36 países pesquisados - nós só ficamos atrás do Japão, onde 76% das empresas apontaram essa dificuldade. A média global é de 31%.

Um processo seletivo benfeito pode ajudar a incluir a empresa no grupo das que conseguem ocupar adequadamente os seus postos. Divulgar a vaga nos lugares certos, prestar atenção aos pontos relevantes do currículo e investigar as competências na entrevista são algumas das ações para encontrar o novo colaborador.

Contudo, no caminho da contratação eficaz, há gastos: anúncios, provas, tempo dos gestores e, às vezes, consultorias externas. "Calculo o custo da seleção entre 10% e 20% do salário anual da vaga em questão, sem contar o treinamento do novo funcionário", afirma Marcelo Marzola, 33 anos, diretor-geral da Predicta, empresa especializada em comportamento do consumidor nos meios digitais.

Confira abaixo, alguns pontos das formas para filtrar o melhor candidato para seu empreendimento?

  • Entrevista: busca essencialmente conhecer o candidato em seus domínios técnicos, postura e eventual trabalho sobre pressão, por exemplo;
  • Dinâmicas de grupo: visa a seleção perante adaptação do candidato no grupo onde irá desenvolver suas atividades rotineiras;
  • Possibilidade de vivenciar uma situação real: trabalho na seleção que busca identificar a criatividade do candidato, raciocínio e tirocínio.

Fonte: Flávio Mazzeu – Advogado e Consultor Jurídico do SINDICOMIS/ACTC

Contato

Nosso time está a postos para responder sua dúvida

Rua Avanhandava, 126

6º andar

Bela Vista - CEP 1306-901

São Paulo - SP

11 3255-2599

actc@sindicomis.com.br

600 Caracteres Restantes

Sua mensagem foi enviada, retornaremos em breve!

Ops. Algo deu errado, tente novamente.